Brasilianische Intelligenz: Eine cartesianische Reflexion

Este slideshow necessita de JavaScript.

4º Centenário do Rio

1965

UT Libraries 2008

Para Bruno Giorgi, Aloisio Magalhães e Wladimir Murtinho

O pensador alemão Max Bense observa um dos momentos altos da cultura brasileira, mesclando relato de viagem e interpretação, narra sua convivência com artistas e intelectuais.

2009

Alexandre Wollner, Goebel Weyne

O filósofo e professor Max Bense (1910-90) formulou um pensamento estético de matriz semiológica e informacional, que incorporou elementos da matemática e da física moderna. Estudou física e matemática nas universidades de Bonn e Colônia e foi professor de filosofia e semiótica na Hochschule für Gestaltung – HfG (1954-58 e 1966). Esteve no Brasil em várias ocasiões durante a década de 1960 para palestras, conferências e um curso sobre estética moderna na recém-fundada Escola Superior de Desenho Industrial – ESDI.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s