Mudanças Geográficas

A trajetória de Aloisio Magalhães é pontuada por deslocamentos em busca do conhecimento e estímulos visuais.

Do Recife parte para o aprendizado da gravura e da museologia em Paris, de Paris para Espanha a fim de ter contato com os padrões geométricos de Alhambra. Viaja para a Filadélfia para absorver a técnica do off-set, percorrendo os Estados Unidos. Transfere-se para a Guanabara, no ano em que ocorre a mudança geográfica da Capital Federal, estabelecendo-se como pioneiro do design gráfico nacional.

Do Rio alça vôo para Brasília e atua como Defensor do Patrimônio Histórico e Artístico, da Memória e da Cultura.

A cada mudança de território, acumulava experiências, a ponto de ter o mundo nos olhos, transitando entre o glocal e o global e extraindo a base para seus feitos.