Fala o Pintor

23/3/1958

Jornal do Commercio

“Sou dos que subscrevem integralmente a postura do busto do poeta vivo da cidade do Recife”

Jornal do Commercio

– foram estas as declarações iniciais do laureado pintor Aloisio Magalhães, que aduziu: –

“Apesar de ser, como diz Mário Melo, ‘sobrinho de Agamenon’, a quem Bandeira chamou de ‘China Gordo’. Bandeira independe de richas familiares ou de pequenas fraquezas. Ele é o nosso querido Bandeira de nossa adolescência, poeta magnífico, homem admirável. Estou com os que o homenagearão em forma de busto, (talvez por falta de outra) totalmente, completamente.”

Anúncios