Itália

1954 – A madrinha do Gráfico Amador era Gina Lollobrigida

Gronchi

Domus

Rossellini

1958 – O presidente italiano adquire tela de Aloisio; na revista Giò Ponti cita o livro Doorway to Portuguese; Aloisio ciceroneia o cineasta  pelo Recife.

XXX Biennale Internazionale D’art

1960 – Expõe na Bienal de Veneza

Bruno Munari, Massimo Vignelli, Umberto Eco

  • Profissionais referentes de Aloisio

Top Symbols & Trademarks of the World

1973 – consta no catálogo de Franco Mª Ricci

Top Symbols and Trademarks

1977 – consta no anuário de Franco Mª Ricci

Top Trademarks Annual

1978 – consta no anuário de Franco Mª Ricci

Desfalece em Veneza

Falece em Pádua

1982 – Morre na Itália; desenho seu é incluído no livro Amor a Roma

History of Industrial Design: 1919-1990, The dominion of design

1991 – Carlo Pirovano cita Aloisio

La Ricerca Folklorica

1993 – a revista cita Aloisio

Cartemas, o DNA do Mestre Aloisio Magalhães

2003 – exposição em Milão

Anúncios